A corrida dos ratos é um conceito de Robert Kiyosaki, um investidor e escritor bastante conhecido no mundo, já que sua principal obra é “Pai Rico, Pai pobre”.

Em síntese, esse termo se refere ao ciclo extenuante, cansativo e stressante, que faz com que não saia do lugar, não alcance resultados e, ainda assim, continue no mesmo caminho.

Ao trazer essa ideia para o mundo financeiro, Robert mostra como a maioria das pessoas trabalha de forma excessiva, dia após dia, sem alcançar nenhuma mudança. Pelo contrário, é comum que o dinheiro acabe antes mesmo de todas as contas serem pagas.

Dessa maneira, você acaba em um ciclo ou roda viciosa na qual as contas estão sempre no limite, nunca parece haver saídas eficientes e no mês seguinte, tudo se repete, em um esforço sem fim.

Com isso em mente, separei nesse post mais sobre o conceito e, principalmente, meios de sair dessa situação para o futuro ser uma certeza a ser alcançada, não uma possibilidade.

Nota: A melhor forma de sair da corrida dos ratos é tendo uma profissão que pague bem e os ganhos do gestor de tráfego são acima da média. Se quiser aprender mais sobre esta profissão, confira a nossa MasterClass gratuita sobre como começar na profissão:

O que é a corrida dos ratos?

corrida dos ratos

A corrida dos ratos surgiu como uma analogia com os roedores de laboratório, que ficavam continuamente na roda, girando, em uma tentativa de escapar. Mesmo sem alcançar nenhum resultado, o comportamento se mantinha.

Claro que, pensando nesses ratos, não cabia a eles mudar o próprio cenário, mas é algo prático de se entender.

Em síntese, trata-se de um ciclo vicioso no qual você “gira” sem sair do lugar. Na maioria das vezes, isso não acontece apenas no ambiente de trabalho, mas em todas as suas atividades e rotina pessoal. Logo, não consegue acumular riquezas, ter qualquer estabilidade ou mesmo evoluir como indivíduo.

Inclusive, neste cenário, você não controla o dinheiro e ainda se torna um escravo dele. Afinal, direciona um esforço enorme para o “nada”, correndo de forma aleatória, sem atingir nenhum objetivo maior.

A roda ou corrida dos ratos, se acordo com Robert evidencia o esgotamento mental e físico, tem relação com casos de Burnout, prejudica suas relações e mais. Isso porque, causa uma exaustão extrema em uma ação que não apresenta resultados.

Nota: Caso nunca tenha lido o livro Pai Rico Pai Pobre, veja este resumo em vídeo:

Síndrome de Burnout: resumo

A Síndrome de Burnout é um quadro de esgotamento profissional, ou seja, um distúrbio emocional diagnosticado através de alguns sintomas característicos.

Como exaustão extrema, crises de ansiedade e choro, irritabilidade, mudanças de humor, stress, dores musculares, dores de cabeça e enxaquecas frequentes, etc. Em casos extremos, a síndrome causa crises de alergia, pânico, desmaios e mais.

Exemplo de corrida dos ratos

Quando pensamos na corrida dos ratos, é comum pensarmos em blocos. Ou seja, apenas no trabalho atual, no estudo anterior e naquela fase da vida. Entretanto, precisa considerar que isso ocorre de maneira contínua, ainda que alguns aspectos tenham se quebrado nos últimos anos.

Por exemplo, a regra básica ensinada para as crianças é que: deve ir para a escola, estudar muito, fazer uma boa faculdade e conseguir um bom emprego.

Neste cenário, tem o dinheiro que precisa para pagar as contas, cresce ou não na carreira, mas fica estável. Casa, tem filhos e acumula riquezas.

Porém, esse ciclo não funciona exatamente dessa maneira e, muitas vezes, proporciona a infelicidade, sensação de que nada dá certo, angústias e dificuldades.

Imagine, por exemplo, o número de pessoas que não conseguem terminar os estudos, ir para a faculdade ou conseguir um emprego estável. Isso sem falar o número de jovens que vemos alcançando um sucesso extremo e precoce.

E, por que tantos insistem em algo que não dá resultado?

Existem diversos fatores associados a isso. Inclusive, tem questões históricas, como a necessidade de mão de obra que veio após a Segunda Guerra Mundial, algo passado de geração em geração.

Dessa forma, existem questões culturais, históricas e até pessoais, como o medo da mudança, falta de conhecimento e suporte, a sensação de que não tem uma saída, a perspectiva de que apenas alguns trabalhos trazem o sucesso e a lista segue.

A realidade é que tudo isso prejudica o seu desenvolvimento pessoal e profissional, causando uma estagnação e fazendo você continuar nessa roda.

Como sair da corrida dos ratos?

corrida dos ratos o que é

O primeiro passo para sair da corrida dos ratos é identificar uma forma de ganhar mais dinheiro. Pois só ganhando mais do que os seus gastos é que será possível poupar. Ao conseguir juntar dinheiro, poderá investir e gerar renda passiva, algo muito explicado no pai rico pai pobre.

Por isso precisa entender se:

  • Na profissão em que está pode ganhar mais ou se precisa mudar de profissão

Para mudar de profissão a nossa recomendação é que pensa numa profissão online, onde poderá ganhar dinheiro muito mais rápido e também escalar os seus ganhos.

Algumas profissões permitem fazer isso tais como a profissão de gestor de tráfego ou de gestão de redes sociais.

Ganhando mais, já poderá pensar em comprar ativos como imóveis, ações ou algo que gere dinheiro extra além do seu trabalho atual.

Masterclass Gestor de Tráfego

Aprenda a dar os primeiros passos numa das profissões que mais cresce em Portugal.

    Descubra como pessoas que sabiam ZERO sobre Marketing Digital conseguiram através de uma profissão mudar de vida e conquistar ganhos de mais 1000 euros por mês